sábado, 4 de outubro de 2014

#dia136

O preço do adultério

“A multidão dos homens apregoa a sua própria bondade, porém o homem fidedigno quem o achará?” Provérbios 20:6

Já acompanhei muitos casos ao longo da vida em que histórias foram marcadas de alguma forma pelo adultério. Não quero ser meramente moralista aqui, mas a traição é uma das maiores causas de destruição de familias hoje e ao longo da história. 

Não há como um adultério não deixar marcas destrutivas na família. Ele sempre deixa, mesmo quando não é descoberto. Não é a toa que existem milhares de versículos na Bíblia que alertam sobre as consequências da traição. Encontramos muitos deles no livro de Provérbios, principalmente. 

O casamento entre um homem e uma mulher representa uma aliança maior: a aliança de Deus com os homens. E essa aliança é eterna e indestrutível. A convicção do casamento como uma aliança maior, que deve ser preservada e guardada com fidelidade, é a base que traz segurança, estabilidade e confiança a toda estrutura familiar. 

Caso a aliança tenha sido quebrada dentro do casamento, sempre há a possibilidade de arrependimento e perdão aos olhos de Deus, mesmo que as marcas deixadas sejam irreversíveis no que diz respeito a união familiar. A cura se encontra no arrependimento e no perdão.

Paz,


M.S.

Nenhum comentário:

Postar um comentário